missyou

Velório na Irlanda – Tradição

9 Mêses ago

Obviamente que eu não queria ir em um velório, acredito que ninguém quer, mas infelizmente a morte faz parte da vida e uma senhora irlandesa mãe de um amigo do meu boy faleceu e então fomos ao velório.

Bom, antes de qualquer coisa, quero falar do meu respeito a família da senhora falecida e de todas as outras pessoas que estão neste momento passando por está situação, também quero dizer que respeito muito a tradição da Irlanda para este tipo de acontecimento. O post de hoje não é uma abertura para debate da morte, é somente um post para mostrar como um velório e enterro acontece na Ilha Esmeralda.

Primeiramente, na maioria dos casos o velório acontece na casa da pessoa falecida, onde o corpo é velado por um dia. No Brasil, o corpo geralmente é velado em uma casa específica ou no próprio cemitério, em uma área onde as pessoas conversam entre si e cumprimentam os familiares mostrando suas condolências.

Na Irlanda se forma uma filha do lado de fora da casa para as pessoas que possam cumprimentar os familiares. Esta fila vai andando lentamente para o local a onde o corpo se encontra (quando falo lentamente é porque é lento mesmo, eu fiquei 1h no frio esperando a fila andar), agora imagine uma sala onde o corpo fica no meio dela e em volta todos os familiares em fila também.

Quando você entra na casa existe um livro onde você assina seu nome, como se fosse uma lista de presença.

Então você continua acompanhando a fila e entra dentro do local do velório, diferente do Brasil que se tem uma área livre, na Irlanda você simplesmente pega na mão de todos os familiares, um por um cumprimentando e dizendo suas condolências, porém não se tem tempo para conversar, é somente um cumprimento para que os familiares se sintam acolhidos. Você não tem nem muito tempo para olhar a pessoa que faleceu, é tudo muito rápido, muito sucinto e muito contido.

No Brasil é muita tristeza, muito choro, muita dor… Eu vi neste velório somente 2 pessoas demonstrando um pouco mais de emoção, aqui eles são mais reservados para estas situações. Todos calados, sérios e eu só ouvia o sorry durante os cumprimentos na fila.

Assim que você acaba de cumprimentar os familiares é necessário deixar a casa para que os próximos tenham a oportunidade de se despedir e ver os familiares da pessoa que faleceu.

Os familiares permanecem velando o corpo pelo restante da noite (este velório começou às 18h), já as pessoas que já se despediram seguem para um bar, onde vão beber e celebrar a vida da pessoa que se foi.

No dia seguinte é o dia do enterro, eu não acompanhei, mas o meu boy me disse que acontece uma missa, logo depois o enterro com um familiar ou alguém próximo dizendo palavras doces para a despedida e assim que o corpo é enterrado, TODOS seguem para um bar, onde vão dançar, cantar, beber e contar histórias engraçadas e felizes da pessoa que se foi. Dizem que esta é a maneira mais correta de se despedir de alguém, dizem que a morte deve ser a celebração da vida e por isso eles fazem uma festa para a pessoa que morreu.

Na minha opinião fiquei um pouco surpresa, era estranho ver as pessoas no bar bebendo e falando da pessoa que tinha acabado de morrer. Também não achei interessante esperar uma hora no frio para pegar na mão dos familiares e dizer sinto muito por isso. Mas cultura é cultura e esta é a Irlandesa.

E para finalizar não vi aquelas coroas de flores que costuma ter nos velórios no Brasil, talvez até tinha, eu que no meu frio eterno não devo ter percebido.

Enquanto isso, vamos colocar o nosso batom na mala e seguir a nossa viagem.

Alessanda Assis | Batom na Mala

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *