bandeira-brasil

Perca os costumes do Brasil ou volta para ele

2 years ago

Se algum um dia alguém te falar que intercâmbio é fácil pode desconfiar desta pessoa, ela provavelmente está mentindo para você, intercâmbio não é fácil, mas é muito gostoso.

A primeira coisa que eu acho necessário é se desapegar dos costumes do Brasil, é aceitar que aqui você tem te que ser mais responsável, tolerante e flexível, infelizmente intercâmbio não é colônia de férias e também ninguém vai fazer as coisas para você, então fique atento.

1) Somos reconhecidos mundialmente pelo nosso atraso, brasileiro anda sempre atrasado (inclusive eu), as vezes nem tão atrasados assim, 5, 10 minutos, que ao meu ver nem é “caso de morte”, mas para muitas pessoas são, principalmente para trabalhar ou em compromissos mais formais. Acho que o intercâmbio é um bom momento para melhorar esta situação, para se policiar e perder este péssimo habito.

atraso de brasileiro

2) Vejo com frequência pessoas reclamando que não tem emprego, mas também não procuram, reclamar está no sangue da brazucada, (mais uma vez, inclusive no meu sangue), então caro amigo, pare de preguiça, vá fazer o seu CV e vá entregar, emprego tem, basta que você procure, tem que ter força de vontade para conseguir. Temos que parar com a mania de reclamar e também de postergar, é sempre aquela bela história do amanhã eu faço, caramba, para e falar e vai fazer.

alvo-amanha-post-e1364992411552

3) Ninguém é obrigada a lavar as louças que você sujou, ninguém é obrigada a recolher o lixo que você produziu, ninguém é obrigada a conviver com a sua bagunça diária. Aqui você vai dividir casa, quarto ou até mesmo cama com outras pessoas que nunca viu na vida, então faça sua parte, se sujou lave, se é seu dia de fazer a faxina faça, se seu flatmate não gosta de bagunça tente ser mais organizado, a lei da boa convivência parte do principio que o seu direito começa quando o do outro termina.

sujou limpou

4) Você pode aproveitar, ir para as baladas, viajar, fazer farra, mas você nunca vai falar inglês direito se não for na aula, se não estudar e se não praticar na rua. Muita gente reclama que não sabe falar, mas nunca vai na aula porque está de ressaca. Muita gente fala que vai na aula todos os dias mais o inglês está muito ruim, mas a pessoa não se esforça um milímetro para fazer atividades fora de sala. Muita gente fala que não sabe falar, mas só anda com brazileiros, mora com brazileiros e fala português o tempo todo. Foco no seus objetivos moçada.

tenha foco

Sentir saudades do Brasil é normal, ter orgulho de suas raízes é louvável, o que não dá para entender é uma pessoa se deslocar do Brasil, passar milhões de apertos para “aprender inglês” e continuar vivendo do mesmo modo que vivia no Brasil. Aqui você tem que ser mais maduro para que seu intercâmbio tenha sucesso, ou então você ficará sempre na colônia de férias que pouco vai acrescentar no seu dia a dia.

Muitas pessoas podem fazer intercâmbio, mas poucas vão fazer deste momento um momento único, de aprendizado e crescimento. O intercâmbio é para mim, para você, é para todos, desde que você queira, desde que você pare de ver os problemas e comece a buscar soluções.

Enquanto isso, vamos colocar o nosso batom na mala e seguir a nossa viagem.

Alessanda Assis | Batom na Mala

One thought on “Perca os costumes do Brasil ou volta para ele”

  1. Ótimas dicas! Também penso assim. Estou me organizando para o meu e já me preparando pra aguentar a barra de viver longe de casa, ter que aprender a conviver com gente estranha, reforçar o estoque de paciência, tolerância,i resiliência e disciplina pra poder tirar melhor proveito de tudo. Mas confesso que me dá um medinho, de testar esses limites. Eu sou tranquila de convivência, embora não goste de gente folgada, aproveitadora e injusta. Sei que muitos brasileiros – principalmente de classe média q fazem intercâmbio não tem costume de lavar uma colher. Imagino como eu ficaria…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *